© 2016 by FULANO'S PRODUÇÕES ARTÍSTICAS. Todos os direitos reservados!

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
Projeto Sonhos em Tempos de Guerra

A ideia do projeto “Sonhos em Tempos de Guerra” surgiu em 2015, durante a montagem do espetáculo “O Inimigo”. A peça, baseada no livro homônimo de Davide Cali, conta a história de dois soldados em lados opostos do front, que nunca conversam, e se odeiam sem se conhecer – seguindo as instruções do manual de guerra. No enredo, eles começam a se questionar sobre os motivos que os levaram aquela situação. Utilizando a linguagem clownesca, a montagem ressalta o ridículo da situação e proporciona grande reflexão nos pequenos expectadores, que acompanham cada ação na expectativa de uma solução que, aos olhos do público, é simples, mas, para esses soldados, é quase inimaginável. As temáticas da guerra e suas incoerências trouxeram ainda mais questões e anseios, que reverberam com o cotidiano cada vez mais intransigente de nossos dias.

 

Não se pode negar que vivemos em tempos de grande polarização. Todos os dias nossas mentes são inundadas com relatos de guerras, conflitos e atrocidades, que ocorrem em lugares distantes e também bem próximos. Ideais, riquezas e justiças são aclamadas como justificativas para invasões, destruição e inúmeras mortes. Religião, sexualidade, raça, política, filosofia, entre outros assuntos expõem nossa inabilidade de diálogo, muitas vezes anulando a possibilidade de um debate saudável em prol do bem comum... Diferenças que poderiam ser resolvidas em uma simples conversa se tornam inimagináveis, promovendo ódio, intolerância e revolta entre vizinhos, amigos, desconhecidos, inocentes.

 

Nesse projeto queremos debater poeticamente sobre esses temas. Debater é trocar argumentos, discutir ideias. A partir de um debate rico, em que os dois lados têm liberdade para colocarem suas opiniões livremente, quem assiste ou participa poderá construir o seu ponto de vista com base no que lhe pareceu mais verossímil.  Ocorre que atualmente não vemos mais debates honestos, pautados na intenção de conhecer a ideia do outro e concordar (ou não) com ela depois de conhecê-la. As pessoas se encastelaram em verdades prontas, e quem discorda delas está contra quem as defende. Essa intolerância que se vê entre adultos também reflete entre as crianças e adolescentes, com conseqüências igualmente grandes para eles e para a sociedade.

 

A partir dessas ideias, e levando em conta toda a experiência de doze anos de trabalhos ininterruptos, o projeto pretende se desdobrar na busca de verticalizar tanto a reflexão dos temas quanto das estéticas. É fundamental que a arte ajude a fomentar uma discussão honesta, deixando para o expectador as percepções e possíveis decisões. Por isso, queremos nos abrir ao novo, ao diferente, permitindo que outros artistas apresentem e/ou interfiram no nosso trabalho – assim, reconhecemos que há outras possibilidades e todas elas podem ser boas e apontar novos caminhos, novas perspectivas. 

 

Durante dezesseis meses contínuos de intensas atividades, o projeto envolverá diretamente trinta e quatro profissionais de diversas áreas, aprofundamento de estudos, experimentos, ações de formação, criação, produção, desenvolvimento da pesquisa estética da Cia e compartilhamento de ideias com (e para) a cidade e seus cidadãos.

Acompanhe aqui e em nossas redes sociais todas as atividades do projeto, que tem início em Julho de 2018, graças à Lei de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo. 

Com a tripa em sossego qualquer um tem ideia. Discutir, por exemplo, se existe uma relação direta entre os olhos e os sentimentos, ou se o sentido da responsabilidade é a consequência natural de uma boa visão. Mas quando a aflição aperta, quando o corpo se nos desmanda de dor e angústia, então é que se vê o animalzinho que somos”.

José Saramago

 

CONVOCAÇÃO - Pelotão de Apoio

(Para conhecer o projeto completo, clique aqui)

Está disposto a Sonhar em Tempos de Guerra?

Convocamos Atores ou Estudantes de Artes Cênicas, interessados em teatro para a infância e juventude, para integrar nosso “Pelotão de Apoio” do Projeto “Sonhos em Tempos de Guerra”, contemplado pela 32ª Edição da Lei de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo. Os Soldados-Artistas recrutados participarão dos estudos e oficinas, e também de um processo criativo de um espetáculo autoral com supervisão e provocação dos artistas da República Ativa de Teatro.

Durante esse processo, os selecionados terão a oportunidade de vivenciar diferentes linguagens artísticas, que serão proporcionadas pelos nossos aliados: Fernando Neves (Os Fofos Encenam), Eliana Monteiro (Teatro da Vertigem), Marcelo Soler (Teatro Documentário), Marcelo Deny (USP), Ângelo Brandini (Cia Vagalum Tum Tum), Iarley Rangel (Grupo Esparrama), Sandra Vargas e André Cherubini (Grupo Sobrevento). Ao final, os Soldados-Artistas irão se apresentar em CEUs e numa Mostra de trabalhos da companhia.

Todo processo criativo acontecerá na nova sede do grupo, que fica na Vila Dom Pedro II - Zona Norte (a 5 minutos do metrô Parada Inglesa).

Para se alistar, os candidatos devem ter disponibilidade de tempo e interesse em participar de um projeto inteiramente voltado ao público infanto-juvenil.

SOBRE O TRABALHO A SER DESENVOLVIDO:

  • Serão 6 (seis) artistas selecionados;

  • Todos os selecionados receberão uma ajuda de custo mensal no valor de R$ 400,00 (quatrocentos reais);

  • O trabalho desenvolvido será de Março à Julho de 2019;

  • Serão, em média, 3 encontros semanais de 4 horas cada, cujos horários serão definidos de acordo com a disponibilidade dos selecionados;

  • O Pelotão de Apoio participará de todo o processo de criação da República Ativa de Teatro durante a realização do projeto;

  • Os soldados criarão um espetáculo autoral sobre a temática desenvolvida no projeto citado acima; e

  • O espetáculo realizará 12 (doze) apresentações em unidades dos CEUs e 8 (oito) apresentações em temporada pública e gratuita.

SOBRE AS INSCRIÇÕES:

  • As inscrições para o "Pelotão de Apoio" ficarão abertas até o dia 14 de Fevereiro de 2019;

  • Obrigatoriamente, devem ser realizadas através do site www.republicaativa.com.br/fomento;

  • O candidato deverá ler com atenção o projeto "Sonhos em Tempos de Guerra" contemplado pela 32ª Edição da Lei de Fomento ao Teatro para a cidade de São Paulo (Clique aqui para baixar); e

  • Por fim, deverá preencher a Ficha de Inscrição, que conterá as seguintes informações:

    • Nome completo e artístico;

    • Telefone e E-mail;

    • RG e CPF;

    • Habilidade artísticas;

    • Carta de Interesse;

    • Breve currículo; e

    • Disponibilidade.

MÚSICA : "Diversidade"

(Lenine)

Diversidade - Lenine
00:00 / 00:00

Foi pra diferenciar
Que deus criou a diferença
Que irá nos aproximar
Intuir o que ele pensa
Se cada ser é só um
E cada um com sua crença
Tudo é raro, nada é comum
Diversidade é a sentença

Que seria do adeus
Sem o retorno
Que seria do nu
Sem o adorno
Que seria do sim
Sem o talvez e o não
Que seria de mim
Sem a compreensão

Que a vida é repleta
E o olhar do poeta
Percebe na sua presença
O toque de deus
A vela no breu
A chama da diferença

A humanidade caminha
Atropelando os sinais
A história vai repetindo
Os erros que o homem trás
O mundo segue girando
Carente de amor e paz
Se cada cabeça é um mundo
Cada um é muito mais

Que seria do caos
Sem a paz
Que seria da dor
Sem o que lhe apraz
Que seria do não
Sem o talvez e o sim
Que seria de mim...
O que seria de nós

Que a vida é repleta
E o olhar do poeta
Percebe na sua presença
O toque de deus
A vela no breu
A chama da diferença

SOBRE OS PRAZOS:

  • Inscrições: de 27 de Janeiro à 14 de fevereiro de 2019;

  • Divulgação dos aprovados na primeira etapa: 18 de fevereiro de 2019;

  • Entrevistas: 21 e 22 de fevereiro de 2019; e

  • Divulgação dos selecionados: 25 de fevereiro de 2019.

 

SOBRE O PROCESSO DE SELEÇÃO:

Após o período de inscrição, os integrantes da República Ativa de Teatro irão selecionar aqueles que, de acordo com as informações fornecidas na Ficha de Inscrição, melhor se encaixam na proposta do projeto em desenvolvimento.

Após essa etapa, os aprovados serão comunicados através de e-mail e telefone, e no período de 21 a 22 de fevereiro de 2019 passarão por uma entrevista. Nessa ocasião, cada candidato deverá apresentar uma cena de 2 a 5 minutos inspirada livremente na música "Diversidade", de Lenine. A cena deverá ser voltada ao público infanto-juvenil.

Os selecionados serão informados através de telefone e e-mail e a lista completa será disponibilizada no site www.republicaativa.com.br/fomento.

Em caso de dúvidas, entre em contato pelo e-mail contato@republicaativa.com.br.